Pages

domingo, 28 de junho de 2009

Me ensina


Me ensina a perder, me ensina a te perder. Eu já não posso mais, não quero mais... Nossas vidas separadas pelos casos que criamos, e insistimos em manter – Para quê?
Quantas vezes mais?
Anda! Não tenha medo, não agora. Onde foi mesmo que paramos? Onde estacionamos os nossos desejos? Nossos planos? Ainda existem em você, em mim. E o que fazer?
Não tenha medo, não agora.
Ainda vejo o mesmo brilho em seus olhos, o mesmo calor em suas mãos, a mesma ternura em seus braços.
E quantas vezes mais vamos nos perder?

3 comentários:

Dustin disse...

Nos perdemos para que na tristeza da saudade, sejamos mais felizes nas lagrimas do reencontro!

Ahh... Parabéns atrasado!! ^^

Q!ue nós possamos estar aqui no proximo ano, e no proximo e no proximo!! ^^

Erica Vittorazzi disse...

Tatiana, adorei o seu blog. Você escreve muito bem.
Bom, perdemos pessoas para termos encontros mais surpreendentes!!! Para ainda acreditar na vida...
beijão

Anitha disse...

...é o medo...
é o medo...