Pages

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Ausência dói


Estou com frio, cadê seus abraços? Estou com medo, não ouço sua voz. Você vai mesmo embora? Não vai mesmo voltar?
Eu te amo com loucura, que loucura te amar...
Já não sei mais versar nosso amor, verso por agora, minha dor. Dói tudo aqui dentro, sabia? E eu acreditei quando você disse que não iria, que jamais iria me abandonar. E onde está você agora? Não te vejo mais aqui. Seu cheiro se evadiu do meu lençol, das minhas mãos.
Escuta! Meu coração ainda pulsa você.
Lembranças infernais, momentos de tortura. Sua ausência me machuca cada dia mais.


E você, será que ainda pensa em mim?


(....)
Tudo que restou foi o silêncio, tudo agora é silêncio. E eu preciso tanto ouvir sua voz, tanto...

2 comentários:

Menino-Homem disse...

certos silêncios ardem de tristeza...!

beijos,
muita luz,
gosto daqui.

fica com Deus.

Anônimo disse...

Ausência dói realmente..
mas ausência não é mesma coisa que saudade????
Só sei que hoje não sei o que eu sinto, se é ausência de uma pessoa
ou saudade de quem nunca eu tive nas mãos...

beijos
fique com Deus

Joany