Pages

domingo, 1 de maio de 2016

O que seria?

E se um dia, obra do acaso do destino eu fosse a rainha do teu reino? Se por um descuido, minha linha se esbarrasse na reta do teu caminho, o que seria? 
Um mar de encantaria, de sorrisos e festejos, era assim que seria? 

Um comentário:

brisonmattos disse...

não haveria outro jeito de ser.